4 de nov de 2006

RELEMBRANDO UM HERÓI













BARRY HORNE, ativista da ALF (Animal Liberation Front), morreu na prisão em 5 de novembro de 2001, após sucessivas greves de fome. Barry foi condenado a 18 anos de prisão, após cometer vários atentados contra companhias envolvidas com a vivissecção.
http://www.barryhorne.org/

Nenhum comentário: